Redefinir Senha

Busca Avançada
Resultados da pesquisa

3 fatos que todo turista deve saber sobre Salvador

Sua ida para a capital da alegria já está marcada? Separamos um compilado de dicas imperdíveis para você curtir a Bahia como os Baianos: ofertas quentes para você aproveitar a melhor época do ano, nos lugares mais incríveis e sem pesar no bolso.

Salvador é a meca negra: todo negro precisa ir pelo menos uma vez

Com 80% da população de pele preta ou parda, a capital da Bahia respira cultura e africanidades.

Há uma ligação ancestral em Salvador, uma sensação de pertencimento, de já ter estado naquele lugar, sem que já tenha de fato ido para lá antes. Quem é negro e já esteve na cidade sabe do que estou falando. Mais do que isso: Salvador é a Meca negra.

É o lugar que todos os pretos precisam ir pelo menos uma vez na vida. E minha dica é: quando o fizer tente ir no verão e ficar mais do que apenas uma semana.

Recomendo pelo menos 15 dias, mas se puder passar 30 dias inteiros garanto que não vai se arrepender e ainda vai sair com a sensação de quero mais. Confira mais detalhes no texto do Guia Negro e as imagens lindíssimas de Heitor Salatiel!

Salvador te espera no verão: os 12 momentos mais mágicos da temporada

Melhor época para visitar a capital baiana tem efervescência cultural e eventos de fazer cair o queixo.

Não adianta pensar que não é para você, que pode pegar umas férias e passar os 30 dias lá. Não vai se arrepender, garanto. Vai voltar sem ter feito tudo e confirmando que existe uma diferença entre hospitalidade e a receptividade baiana (de um nível muito mais alto).

E, no meio disso tudo, terá momentos mágicos, de coisas que só existem lá e ficará com aquela sensação de queixo descolado do rosto e um “caramba” preso na garganta. Vem conferir os doze momentos destaques do Guia Negro!

Onde de se hospedar em Salvador? 10 dicas

Nossa plataforma de turismo é uma rede global de anfitriões e viajantes que amam a cultura negra e buscam viver experiências autênticas e inesquecíveis em suas viagens. 

Somos elos de uma comunidade que tem, agora, uma nova conexão para nos aproximar da nossa história, nossa essência, nossa riqueza.

Se você viaja a Salvador, umas das cidades que melhor preservou a herança africana na diáspora, nada melhor do que ficar hospedado na casa de uma pessoa negra que pode te indicar experiências locais e ser mais uma possibilidade de conexão, não é mesmo?

Guia Negro preparou uma lista de dez anfitriões que mais recebem visitantes na capital baiana. Tem opções em diferentes bairros, com diferentes preços. Confira!

\
Categoría: #VivaDiaspora, Dicas
.................0